Facebook Youtube IPDJ Comité Olímpico Comité Paralímpico Confederação do Desporto Fundação do Desporto Centro de Alto Rendimento UCI UEC Jogos Santa Casa
Início UVP-FPC Equipa Portugal Estrada BTT BMX Pista Escolas Ciclocrosse Ciclismo para Todos
Filiações 2019
Área do Utilizador
Parceiros Oficiais
Vantagens Filiados
Vantagens Filiados
Calendários
Calendário Nacional FPC
Calendários Regionais
Info. Desportiva
Documentos/Formulários
Formação
Formação
Centros BTT
Documentação
Centros BTT
Regulamentos
Gerais
Estrada
Pista
BTT
BMX
Ciclocrosse
Trial
Escolas de Ciclismo
Ciclismo para Todos
Antidopagem
Arbitragem
Disciplina
Contactos
UVP-FPC
Associações
Organizador Provas
Notícias
 
Queda tira top 10 a Telmo Pinão
Equipa Portugal
O português Telmo Pinão esteve perto de concretizar o objetivo de terminar a prova de fundo do Campeonato Mundial de Paraciclismo nos dez primeiros, mas uma queda, nos cem metros finais, atirou-o para fora do top 10 e provocou-lhe uma fratura de clavícula.

A corrida de 66,6 quilómetros para a classe C2, disputada em Emmen, Holanda, correu de feição até à fase final. Telmo Pinão manteve-se no grupo que discutia a sexta posição, mas foi vítima de uma queda coletiva, a cem metros do risco. Ainda conseguiu cortar a meta, na 11.ª posição, mas teve de ser transportado ao hospital em seguida, em virtude de uma fratura na clavícula direita.

As medalhas foram distribuídas por três corredores que se adiantaram aos demais. Impôs-se o francês Alexandre Leaute, que deixou o russo Arslan Glimutunov no segundo posto e o belga Ewoud Vromant no terceiro lugar. Telmo Pinão gastou mais 4m24s do que o vencedor.

Bernardo Vieira correu na classe C1, também ao longo de 66,6 quilómetros, terminando no 13.º lugar, a 12m20s do vencedor, o espanhol Ricardo Tem Argiles. O segundo, a 14 segundos, foi o alemão Pierre Senska, e o terceiro, a 27, foi o estadunidense Aaron Keith.

Flávio Pacheco e Luís Costa encerram, neste domingo, a participação portuguesa no Campeonato do Mundo. Às 10h15, Flávio Pacheco inicia os 51,8 quilómetros da prova de fundo para H4. Seis horas mais tarde, Luís Costa parte para os 66,6 quilómetros da prova de fundo para H5.
2019-09-14 - 18:18:00
Partilhar Facebook
« Voltar
 
 
Assembleia Geral
Documentos 2 novembro 2019
120 Anos FPC
Ciclismo Vai Escola
Inscrições Online
História do Ciclismo
História do Ciclismo
Marcos Históricos
Palmarés das Corridas Portuguesas
Volta a Portugal
PNED
Lojas Oficiais
Redes Sociais
Site desenvolvido por: Cyclop Net - Desenvolvimento de Sites Profissionais